IT Asset Management (ITAM)

IT Asset Management (ITAM) trata da prática de gerenciar e controlar todo o ciclo de vida dos ativos de TI dentro de uma organização. Envolve a abordagem sistemática de adquirir, implantar, manter, rastrear e descartar ativos de TI de forma a maximizar seu valor, minimizar riscos e alinhar com as metas e requisitos da organização.

O ITAM abrange uma ampla gama de ativos, incluindo hardware, software, infraestrutura de rede, periféricos e outros componentes relacionados a TI. Ele se concentra na otimização da utilização de ativos, garantindo conformidade, minimizando custos e melhorando a eficiência operacional.

Aqui estão alguns dos principais aspectos e atividades envolvidos no gerenciamento de ativos de TI:

Inventário de ativos: O ITAM começa com a criação de um inventário abrangente de ativos de TI na organização. Isso inclui detalhes de documentação, como tipo de ativo, marca, modelo, número de série, localização, usuário atribuído e software ou licenças associadas. O inventário fornece uma visão completa dos ativos de TI da organização e serve como base para outras atividades de gerenciamento.

Aquisição e implantação: ITAM envolve o gerenciamento do processo de aquisição de ativos de TI. Inclui a definição de requisitos, avaliação de fornecedores, negociação de contratos e garantia de entrega e implantação de ativos no prazo. A documentação adequada é mantida para ordens de compra, faturas, garantias e contratos de licenciamento associados aos ativos de TI.

Rastreamento e monitoramento de ativos: O ITAM estabelece mecanismos para rastrear e monitorar o status, a localização e o uso dos ativos de TI durante todo o seu ciclo de vida. Isso pode envolver o uso de software de gerenciamento de ativos ou ferramentas especializadas que fornecem visibilidade em tempo real das informações dos ativos. O rastreamento inclui o registro de alterações de propriedade, transferências de local, atualizações e reparos.

Manutenção e suporte: o ITAM garante que os ativos de TI sejam mantidos adequadamente para maximizar sua vida útil e desempenho. Envolve o estabelecimento de cronogramas de manutenção, realização de inspeções de rotina, realização de manutenção preventiva e resolução imediata de problemas ou falhas. Suporte e reparos oportunos são fornecidos para minimizar o tempo de inatividade e as interrupções.

Gerenciamento de Licença e Conformidade: O ITAM inclui o gerenciamento de licenças de software associadas a ativos de TI. Ele garante a conformidade com os contratos de licenciamento, monitora o uso da licença e mantém registros precisos dos direitos, implantações e uso da licença. O gerenciamento de conformidade também se estende aos ativos de hardware, garantindo a adesão a garantias, contratos de fornecedores e requisitos regulatórios.

Otimização de custos: o ITAM ajuda a otimizar os custos de ativos de TI, garantindo a utilização eficiente, evitando superprovisionamento, identificando oportunidades de economia de custos e evitando compras desnecessárias. Envolve rastrear os ciclos de vida dos ativos, analisar padrões de uso e tomar decisões informadas sobre atualizações, substituições e desativações.

Segurança e gerenciamento de riscos: O ITAM se concentra em manter a segurança e a integridade dos ativos de TI. Inclui a implementação de medidas de segurança, como criptografia de ativos, controles de acesso e gerenciamento de vulnerabilidades. O ITAM também aborda o gerenciamento de riscos identificando e mitigando os riscos associados a falhas de ativos, violações de dados, violações de conformidade e obsolescência de tecnologia.

Descarte e Desativação: O ITAM cobre o descarte adequado ou a desativação de ativos de TI no final de seu ciclo de vida. Ele inclui sanitização de dados para garantir que informações confidenciais sejam removidas com segurança dos ativos antes do descarte. Os métodos de eliminação cumprem os regulamentos legais e ambientais para minimizar quaisquer impactos adversos.

Os benefícios do gerenciamento de ativos de TI incluem:

Redução de custos: o ITAM ajuda a otimizar os custos dos ativos, evitando compras desnecessárias e identificando oportunidades de economia de custos.

Conformidade e gerenciamento de riscos: o ITAM garante a conformidade com contratos de licenciamento, requisitos regulatórios e padrões de segurança, minimizando riscos legais e financeiros.

Eficiência: rastreamento, manutenção e suporte adequados de ativos aumentam a eficiência operacional e reduzem o tempo de inatividade.

Segurança: o ITAM se concentra em proteger os ativos de TI, proteger informações confidenciais e mitigar os riscos de segurança.

Orçamento e planejamento precisos: o ITAM fornece informações precisas sobre inventários de ativos, ciclos de vida e custos, permitindo um orçamento e planejamento estratégico eficazes.

O gerenciamento de ativos de TI abrange o gerenciamento sistemático de ativos de TI durante todo o seu ciclo de vida. Envolve atividades como inventário de ativos, aquisição, rastreamento, manutenção, gerenciamento de conformidade, otimização de custos, segurança e descarte adequado. Ao implementar práticas eficazes de ITAM, as organizações podem obter melhor controle sobre seus ativos de TI, reduzir custos, garantir a conformidade e aprimorar a segurança e a eficiência operacional.


Outras Soluções de Operations Management

Yssy Ops

O YssyOps é um produto oferecido pela Yssy, que apresenta aos clientes três opções de contratação. A primeira opção é o YssyOps SaaS, uma plataforma…

Telemetria e Monitoração (AIOPS)

Telemetria e Monitoração, também conhecida como AIOPS (Artificial Intelligence for IT Operations), significa aplicação de técnicas de inteligência artificial e aprendizado de máquina na área…

Telecom e Network (ETOM / NPM)

Telecom e Network (ETOM/NPM) refere-se a frameworks e metodologias utilizadas em serviços gerenciados de TI para a gestão de telecomunicações e redes. Vamos entender cada…

Hardware Asset Management (HAM)

O gerenciamento de ativos de hardware (HAM) em TI envolve o processo de gerenciamento e controle eficaz dos ativos físicos de hardware dentro da infraestrutura…

Unified Endpoint Management (UEM)

Unified Endpoint Management (UEM) é uma abordagem abrangente voltada para gerenciar e proteger vários tipos de terminais na infraestrutura de TI de uma organização. Ela…

Software Asset Management (SAM)

Software Asset Management (SAM) envolve a prática de gerenciar e controlar efetivamente os ativos de software dentro da infraestrutura de TI de uma organização. Envolve…

FALE CONOSCO